Precisamos conversar sobre METAS

METAS2018.png

Eu não sei vocês, mas já estou um pouco assustada por ser 30 de janeiro e tem gente que nem pensou o que quer alcançar este ano ainda, já se foi um mês ok???

É engraçado pensar que ano passado eu não havia pensado em meta nenhuma para o meu ano, a não ser que fosse sobre o meu trabalho e isso é um pouco estranho, pois todas as metas que eu me colocava estavam voltadas para o meu trabalho e não, necessariamente pensando na minha vida como um todo. E ai, sabe o que a gente percebe? Que deixou coisas importantes um pouco de lado e que muitas vezes consideramos estas coisas essenciais em nossa vida como família, amigos e até a própria saúde.

Devemos ter foco sim, em alcançar um novo patamar na empresa em que atuo, por exemplo, porém todas as outras coisas devem acompanhar esta sua trajetória, pois, se a sua saúde não estiver legal, como assumir tal vaga? A gente acaba deixando a desejar em qualidade e várias outras coisas e muito provável que se pergunte: será que valeu a pena deixar tantas coisas de lado para alcançar uma única coisa?

Tenho lido uns livros “MARAVILHINDOS” que quero apresentar pra vocês o quanto antes e um deles me ensinou algo que vou levar pra vida e eu tento levar pra todos que posso:

1 – Em primeiro lugar: seja positivo!

2 – Tenha foco!

3 – Aprenda a dizer um NÃO e BASTA, quando necessário!

4 – Seja FIEL aos seus valores e princípios!

5 – Cuidado com os detalhes, encontre equilíbrio emocional e então SEJA FODA!

Um dos livros é esse mesmo SEJA FODA!¹, do Caio Carneiro, mas vou falar sobre ele em outro post! Mas o Caio me abriu os olhos de uma maneira incrível e me fez perceber que muitas vezes esquecemos de um destes 5 itens e então, não avançamos, pois todos, TODOS, sem exceção devem caminhar juntos!

Vou compartilhar com vocês apenas duas metas minhas pra esse ano:

1ª Lançar o meu blog TRAÇOS E LINHAS!

Nesse caso, ponto pra mim, uma meta já foi, maaaaaaas não basta atingir algo, devemos manter e aprimorar sempre, não se perdendo em meio as distrações!

2ª Ler, pelo menos, 12 livros técnicos!

Aqui talvez não seja um desafio tão grande assim para uma leitora tão ávida quanto a minha pessoa, porém a leitura técnica é bem diferente de uma leitura de fruição², e nos toma mais tempo e dedicação! Então já passei lá na biblioteca do lugar maravilhoso em que trabalho (no SENAI/Criciúma!!!), e peguei algumas opções, que além de servirem para o desenvolvimento de material das minhas aulas ainda vão ao encontro de uma das minhas metas! Ufa, acho que era isso, pensem um pouco nas SUAS metas. O que você quer alcançar? Onde quer chegar? É realmente uma meta ou apenas um sonho? Tem diferença aí viu! Beijos e até a próxima!

¹ CARNEIRO, Caio. Seja foda! Feliz, Otimista, Determinado e Abundante. São Paulo: Buzz, 2017.

² Leitura de fruição: “A palavra fruição, segundo o Dicionário Aurélio, deriva do latim fruitione e é “a ação ou efeito de fruir; Gozo […]”. Isso nos reportou as idéias de Freud (prazer estético), de Barthes (prazer do texto) e de Jauss (fruição estética), pois todos eles vinculam o ato de ler (diferentes linguagens) ao prazer e à satisfação.
E é assim que defendemos a leitura para a criança e o adolescente na escola, com Prazer, com Gosto e Gozo. Sem avaliações e cobranças, sem uma rotina didática e autoritária.” BORTOLIN, Sueli. O PONTO “G” DA LEITURA. 2003. Disponível em: <https://www.ofaj.com.br/colunas_conteudo.php?cod=117&gt;. Acesso em 30 jan. 2018.

via ideas

4 comentários em “Precisamos conversar sobre METAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.