Qual o seu impacto na vida de alguém?

Olá pessoas, vocês já pararam para pensar em como suas atitudes, reações, comportamentos afetam e influenciam a vida de alguém?

Esta semana iniciamos mais um semestre de aulas com o curso superior lá no SENAI/Criciúma (que é onde eu me realizo todos os dias!). E a cada semestre eu respiro fundo e penso: bora pra mais um semestre de trocas, de sonhos, de vidas que se encontram, de realizações.

Perguntas: vocês lembram de algum professor que influenciou a vida de vocês? E vocês sabem por que lembram deste professor em específico? Foi por causa do conteúdo, da aula que ele dava? Ou foi pela maneira como ele tratava você e os seus colega?

Muito provavelmente você lembra deste professor devido às suas memórias emocionais, pelo nível de proximidade que vocês tinham e essa lembrança pode ser boa ou ruim.

Quando vou para as minhas aulas eu penso: como eu quero ser lembrada? E tenho a certeza de que quero que os meus alunos vençam, sonhem, realizem e não necessariamente lembrem de quem eu fui, espero apenas que eles tenham sucesso em suas escolhas. Que as suas experiências sejam as melhores possíveis (mesmo que falhem em alguma atividade, que eles aprendam com isso e não levem como algo ruim e sim como aprendizado).

Já pensaram em como vocês são vistos pelas pessoas? Muitas vezes nos enxergamos de um jeito e as pessoas nos exergam de uma maneira completamente diferente, tem algo estranho quando isso acontece, não?

Gosto de educação, de respeito, de bondade e principalmente de empatia. Estas são palavras-chave para um mundo melhor, com pessoas melhores e que fazem mais. Mais pelo mundo, mais pelas pessoas, mais por si, sem ter a necessidade de passar sobre ninguém, de destruir os sonhos alheios e deixar alguém mal para se sentir a bem.

Trate os outros sempre com gentileza, você não sabe o que eles estão passando. Busque levar pensamentos positivos ao mundo e não reclamações ou coisas que deram errado. O mundo precisa de pessoas mais boas, mais sensatas, menos chatas, mais sonhadoras e mais realizadoras.

Pense sempre: o que eu represento na vida de alguém? É bom ou ruim? Sou inspiração positiva ou sou aquela inspiração “não quero ser essa pessoa nunca”?

Acho muito mais divertido, feliz e inspirador ser aquilo que é bom, que leva pra frente, que é mais! Um beijo e até a próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.